sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Atitude Positiva

A imagem pode conter: violão e texto

Existem dias que nos sentimos bem e capazes de tocar muitas coisas na guitarra de forma fluente, mas alguns outros temos sensação de que você é não tocamos porcaria nenhuma. Todo músico nós já teve essa sensação.
Quando você sentir que bateu em uma parede e que não está evoluindo, não basta pensar positivo, tenha uma "atitude positiva" só pensar não resolve. Muito menos, espere alguma motivação, o que nos muda é a disciplina e não a motivação.
Na motivação você se sente bem para estudar e praticar, na disciplina. você faz isso e se sente bem depois.
Nunca sinta um problema musical como um problema pessoal, mas sim como um oportunidade de aprender algo novo.
Mas, se ainda continua insistindo que pensamento positivo muda alguma coisa, quando tiver uma diarreia, pense positivo e depois me conta se parou.

quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Alongamento para Músicos (instrumentos de corda)



O objetivo de se alongar 

Você deve estar se perguntando – Eu realmente preciso fazer isso? A resposta, claro, é não. Então por que perder seu tempo, por que se alongar?

A única razão está nos benefícios adquiridos com o alongamento. Quem faz esses exercícios da forma correta, e sempre que toca guitarra, obtém melhores resultados, como maior velocidade, força e resistência. Assim, o alongamento é apenas algo a mais, uma vantagem para o guitarrista que quer solar melhor, mais rápido e durante mais tempo.

Flexibilidade

Porque Flexibilidade é importante?


Flexibilidade aumenta a eficiência e performance física. Uma articulação
flexível tem a capacidade de se mover mais em sua amplitude, e requer menos energia para fazê-lo. Aumentar essa eficiência diminui o risco de dano físico, habilitando diversos tecidos e músculos a atingirem um alcance máximo durante atividades físicas.

Flexibilidade também aumenta o fornecimento de sangue e nutrientes para as estruturas articulares, o que amplia a elasticidade dos tecidos e músculos que envolvem as articulações do corpo. Outro aspecto importante, é que grande flexibilidade permite liberdade de movimento, desacelerando a degeneração das articulações e prolongando a sua vida de treino. Flexibilidade também atrasa a fadiga muscular, e previne e alivia músculos doloridos após se exercitar.
(Trecho extraído do livro Train Tough, de Jason Weber, ABC Books.)

O que não deve ser feito

Existem basicamente duas coisas que não devem ser feitas ao se alongar. Uma delas é um erro muito comum, e pode ser observado em qualquer lugar onde esteja uma pessoa se alongando, como na academia, ou na ciclovia, enquanto ela se balança pra lá e pra cá. O alongamento deve ser feito com lentidão, sem movimentos de vai e vem. Geralmente as pessoas agitam seus braços e pernas para se esticar ainda mais. Evite fazer isso, pois não há nenhum ganho de flexibilidade nesses movimentos, e eles ainda podem ser prejudiciais!

Você também não quer se machucar, logo não force muito seu corpo. Apenas estique um pouco até sentir uma leve tensão. Lembre-se que o nosso objetivo aqui não é encostar o polegar no antebraço, é apenas melhorar a sua 
elasticidade. 

Quanto tempo de alongamento

O alongamento completo dura menos que três minutos. Mais que isso é exagero.

Quando fazer

Ele deve ser feito de preferência logo após você terminar de tocar guitarra. Não é necessário se alongar antes, um rápido aquecimento já é suficiente.

Como fazer
Todo alongamento deve ser feito lentamente, esticando músculos e tendões até um ponto próximo ao seu limite de flexibilidade. Vá puxando até atingir o seu máximo, segure por 15 segundos, e deixe voltar ao normal. É preciso forçar um pouco (do contrário o alongamento é inútil), mas nunca até doer. Para encontrar o ponto certo entre forçar demais e forçar de menos, basta praticar algumas vezes.




Fonte: Por Emiliano Gomide



terça-feira, 1 de outubro de 2019

Dia Internacional do Barulho Pensante!

A imagem pode conter: texto

DIA INTERNACIONAL DO BARULHO PENSANTE!

Mas nem sempre pensante...O sucesso de músicas idiotizantes só existe devido a adesão popular, o povo gosta de consumir (fezes) cultural e depois o mesmo reclama, mas é o cidadão quem deve ter o controle de procurar selecionar o que é produzido pela mídia convencional.

Por mais que se tenha a indução e a manipulação da mídia, a decisão final está com o consumidor. O veneno que está na prateleira só faz efeito se você tomar.
FAÇA SUA PARTE!